Printed From:

DÚVIDAS FREQUENTES

DÚVIDAS FREQUENTES

As perguntas mais frequentes sobre Enterogermina®

Olá,
abaixo algumas
sugestões para você:

No nosso intestino existem bactérias “boas” e outras “ruins” que convivem em equilíbrio. Quando o número de bactérias ruins aumenta, podem ocorrer desequilíbrios na flora intestinal. O uso de antibióticos, diarreia, alimentação não-balanceada, stress e ansiedade são exemplos de condições relacionadas a essa alteração. Enterogermina® contribui para o equilíbrio da flora intestinal para que você possa curtir os momentos ao lado das pessoas que ama.

Enterogermina® pode ser tomada pelos pequenos a partir dos 6 meses de idade. Para gestantes e bebês menores de 6 meses, recomendamos que converse com médico(a) ou nutricionista antes.

Sobre Enterogermina

É super simples! Primeiro, destaque o flaconete. Agite antes de usar, gire a tampa para abrir e pressione o flaconete para tomar.

Enterogermina® não tem gosto e é composto apenas por água e bactérias do bem! A dose pode ser tomada diretamente no flaconete, mas você também pode optar por misturar na água ou em outras bebidas, como chá, leite ou suco de frutas.

Enterogermina® não contém glúten e açúcares, podendo ser usado por diabéticos, portadores de doenças celíacas. O produto não deve ser consumido por pessoas imunocomprometidas (com deficiências no sistema imunológico).

A dose pode variar de 1 a 3 flaconetes ao dia, em intervalos de 3-4 horas. Agora, se for Enterogermina Plus®, a dose recomendada é de 1 flaconete ao dia.

Enterogermina® não tem gosto e pode ser misturada em água ou outras bebidas, como chá, leite ou suco de frutas.

Cada Flaconete/Frasco de Enterogermina® contém apenas esporos de Bacillus Clausii e água.

Composição Enterogermina

Enterogermina® não contém açúcar em sua formulação.

Enterogermina® não contém lactose em sua formulação.

Enterogermina® não contém quantidade significativa de valor energético.

Enterogermina® não contém glúten e pode ser utilizada por pessoas com intolerância.

Flora Intestinal

Sim, os antibióticos podem alterar a Flora intestinal. Eles são usados para combater infecções e possuem propriedade de eliminar bactérias. Além de matar as bactérias causadoras da infecção, eles podem também, eliminar algumas bactérias benéficas presentes no intestino, rompendo o equilíbrio intestinal. Cientificamente, essa condição é chamada de disbiose.

A Flora Intestinal desempenha importantes funções no organismo, como por exemplo, auxílio da digestão, absorção de alimentos, resposta imunológica e produção de algumas vitaminas. Por esses motivos é importante manter uma flora intestinal saudável.

Ter uma alimentação balanceada, evitar o consumo de cigarro, bebidas alcoólicas e reduzir os níveis de stress e ansiedade ajudam a manter o equilíbrio intestinal. A utilização de probióticos, como Enterogermina®, também pode ser benéfica.

Referências
  1. International Life Sciences Institute. Europe. Probióticos, Prebióticos e a Microbiota Intestinal 2013.
  2. Guarner F, et al. Probiotics and prebiotics. World Gastroenterology Organisation, 2017.
  3. Hawrelak JÁ, Myers SP. The Causes of Intestinal Dysbiosis: A Review. Altern Med Rev 2004;9(2):180-197.
  4. Enterogermina® [folheto]. Origgio, IT. Importado e distribuído por Sanofi-Aventis Ltda.
  5. Enterogermina Plus® [folheto]. Origgio, IT. Importado e distribuído por Sanofi-Aventis Ltda.

Ficou com alguma dúvida ainda?